A American Airlines e a Gol Linhas Aéreas iniciam a decisão do Conselho Brasileiro de Defesa Econômica - Autoridade da Concorrência (Cade) que, sujeito a restrições, libera os termos e condições estabelecidos pela parceria comercial entre as operadoras, definitivamente confirmada por despacho.

Os benefícios para os clientes que viajam entre o Brasil e os Estados Unidos devem ser percebidos imediatamente, como o acesso aos mais diversos destinos em dois países, inclusive para países da América Latina, aumentando as opções de codeshare. Isso acontecerá principalmente por meio do FFP (Frequent-Flyer Program, em inglês) e não do Smiles ou de dois programas de fidelidade American AAdvantage.

O acordo entre a Gol e a American Airlines permite ações de incentivo com agências de viagens parceiras de forma a maximizar os serviços tanto no canal corporativo quanto na participação conjunta em eventos de promoção turística, com o objetivo de aprimorar e tornar mais eficazes os serviços do governo.

Fonte: RevistaFlap 01/04/2021

  : aviacao-comercial, brasil, internacional