Uma portaria divulgada pelo governo paulista na data de ontem, 1º de outrubro de 2019, através do DAESP – Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo – instituiu que aviões terão que pagar pedágio no aeroporto da cidade de Sorocaba.

A portaria DAESP-156 define que qualquer aeronave que trafegar entre a área pública do aeroporto, que contém a pista de pousos e decolagens, e a área particular, onde ficam os hangares nos quais são guardadas as aeronaves e onde trabalham as oficinas de manutenção, deverá pagar uma tarifa de pedágio no valor de R$559,60 a cada acesso.

A medida atinge apenas a região particular dos hangares do aeroporto de Sorocaba, mas que possui grande movimento, pois, além das aeronaves que ficam guardadas por lá, existem diversas grandes oficinas de aviação geral.

Aeronaves acessando hangares localizados na área pública, nas laterais da pista, como os centros de serviço da Embraer e da Dassault, não estarão sujeitas à cobrança, pois a taxa de pedágio só é aplicável na transição do espaço privado para o espaço público.

A seguir veja na íntegra o texto divulgado no Diário Oficial de 1º de outubro:

 

Fonte: AeroIn 02/10/2019

  : aviacao-executiva, aviacao-geral, brasil