Sofrendo há anos com sanções econômicas que impedem a aquisição de novas aeronaves comerciais fabricadas no Ocidente, o Irã decidiu que vai construir seus próprios aviões de passageiros. A afirmação partiu de Touraj Dehghani Zanganeh, diretor da autoridade de aviação civil iraniana.

Em entrevista a agência Mehr, Dehghani declarou que o país está ampliando o programa de fabricação local de aeronaves e que prepara uma versão de carga do IrAn-140 (versão local do turboélice Antonov An-140) para uso militar. “Além disso, estamos trabalhando no lançamento da linha de produção de um avião para 100 passageiros”, acrescentou.

O diretor da agência iraniana não divulgou mais detalhes sobre o desenvolvimento da aeronave ou prazos para início de testes e chegada ao mercado.

Pela capacidade de passageiros sugerida por Dehghani, o avião comercial iraniano pode entrar na mesma faixa de competição dos E-Jets da Embraer.

Fonte: Airway 23/02/2021

  : aviacao-comercial, internacional