A capacidade dos jatos de negócios G500 e G600, da Gulfstream, foi ampliada na última revisão do programa realizado pelo fabricante. Ambos aviões obtiveram índices que permitiram ampliar o alcance mesmo em elevada velocidade de cruzeiro.

Agora o G500 agora oferece alcance de 5.300 nm (9.816 km) voando a Mach 0,85 (1.050 km/h) ou 4.500 nm (8.334) mantendo Mach 0,90 (1.111 km/h). Já o alcance do G600 com Mach 0,85 passou para 6.600 nm  (12.223 km) e 5.600 nm (10.371 km) em Mach 0,90.

“O G500 e o G600 têm superado as expectativas desde que entraram em serviço”, disse Mark Burns, presidente da Gulfstream. “A equipe da Gulfstream está sempre em busca de oportunidades para melhorar as capacidades das aeronaves”.

Além da ampliação de alcance, o G600 agora oferece maior capacidade de carga útil com combustível total. O uso de materiais avançados na construção permitiu reduzir o peso operacional básico em 259 quilos em relação aos valores originais, elevando a sua carga útil para 1.179 kg, mesmo com peso capacidade máxima de combustível, ampliando a flexibilidade operacional.

Ainda durante a campanha de ensaios em voo, ambas as aeronaves excederam as expectativas de desempenho inicial com maior capacidade de alcance. O G600 obteve o primeiro aumento no alcance com cruzeiro em alta velocidade antes mesmo de entrar em serviço, ampliando em 700 nm (1.296 km) as projeções originais. A velocidade máxima de operação de ambas aeronaves é Mach 0,925 (1.142 km/h).

Fonte: Aero Magazine 03/11/2020

  : aviacao-executiva, aviacao-geral, brasil, internacional